História sobre a cerveja IPA

Quem nunca ouviu a história que conta que a IPA foi inventada em 1760, por George Hogdson, um cervejeiro londrino que precisava garantir que suas cervejas chegassem em boas condições na Índia? Ele teria produzido uma Pale Ale mais forte e aumentado sua carga de lúpulo. A planta tem propriedades bacteriostáticas e ao lado do teor alcoólico mais potente, garantia que a longa viagem fosse concluída, sem contaminação do líquido.

No entanto, alguns pesquisadores como o mestre cervejeiro Garrett Oliver e o jornalista britânico Martyn Cornell em pesquisas recentes, destacam que já nos anos de 1711, tanto cervejas Porter como Pale Ale já eram exportadas para a Índia e com êxito. Sendo assim, não havia um problema inicial e não é possível atribuir a criação deste estilo a uma só pessoa, uma vez que os ingleses já sabiam que cervejas mais acoólicas e lupuladas resistiam melhor às longas viagens.

De fato, Hogdson, que fundou a Bow Brewery, exportou suas cervejas para a Índia, consequentemente surgiram concorrentes, especialmente as cervejarias da cidade de Burton upon Trent, responsáveis pelas receitas mais secas e com maior sensação de amargor do que as de George. Essa cerveja elaborada para o mercado indiano era até então chamada por Pale Ale, a nomenclatura East India Pale Ale surge, pela primeira vez em um jornal da também colônia britânica Sidney, na Austrália, em 1829.

Cerveja IPA e Comida: será que combina?

A popular IPA pede cuidado nas combinações. O forte amargor pode prevalecer diante dos outros sabores e arruinar a harmonização. Dicas importantes para obter sucesso: é preciso considerar a gordura do alimento e o umami - quinto gosto básico que pode ser detectado pelas nossas papilas gustativas, ao lado de salgado, amargo, ácido e doce. A gordura é neutralizada e equilibrada pelo amargor que limpa as paplias gustativas.

Casamento muito bem sucedido é uma boa IPA ao lado de um hambúrguer, fonte de muito umami para confrontar o amargor, sem falar no dulçor do pão, rico em carboidrato que ajuda a abrandar o gosto intenso.

Qual a temperatura ideal para apreciar uma cerveja IPA?

Para quem acredita que cerveja deve ser servida estupidamenete gelada, pode paracer estranho, mas cervejas de estilos, sabores mais complexos ou teor alcoólico mais alto, como o caso das IPAs, devem ser servidas a temperaturas de 7° a 10°C para serem plenamente degustadas.

Fonte: www.institutodacerveja.com.br